Manjericões Asiáticos

Os manjericões asiáticos (muito deles são variedades do Ocimum basilicum) são tão numerosos como os manjericões europeus e os viveiros cultivam hoje em dia alguns dos mais comuns. Os seus sabores diferem dos dos manjericões ocidentais por causa dos diferentes componentes dos óleos essenciais. O componente aromático dominante do manjericão-doce é o linalol (floral) com pouco de metil-chavicol (anis) e um pouco de eugenol (cravinho-da-índia), mas nos manjericões asiáticos o metil-chavicol é dominante com um pouco de eugenol e um pouco de cânfora.

Utilizações culinárias

O manjericão tempera saladas, pratos refogados, sopas e pratos de caril do Sudeste Asiático. Junta-se no final da cozedura para equilibrar especiarias do prato. É também usado na pasta de caril verde tailandesa.

Vai bem com carne de vaca, frango, leite de coco, galanga, alho, gengibre, lima-kaffir, krachai, erva-limeira, tamarindo e curcuma.

Manjericão-tailandês O. b. horapa

O manjericão-tailandês possui um aroma inebriante, doce e apimentado sustentado por pronunciadas notas anisadas e um sabor quente, prolongado e adociado a anis.

Manjericão-persa O. b. Anise

Esta planta decorativa, também chamada manjericão-anis, possui folhas com um veio purpúreo, caules avermelhados, espigas de flores cor-de-rosa e um agradável aroma adocicado a anis.

Manjericão-sagrado O. sanctum

O manjericão sagrado, ou basílico-sagrado, é extremamente aromático com uma pungência picante e doce, travos de hortelã e cânfora e um toque almiscarado. Se não conseguir encontrá-lo, use manjericão-doce e algumas folhas de hortelã. O sabor é realçado pela cozedura; quando cru, o sabor é um pouco amargo. É o ingrediente essencial num prato tailandês de galinha frita com malaguetas e manjericão e é amplamente usado nos pratos de caril de carne.

Manjericão-cheiroso O. b. citriodorum

Este manjericão cerrado e compacto apresenta uma fragrância nítida a limão. Na Indonésia, onde é chamado kemangie, frita-se com peixe e com marisco. Adicione o manjericão a saladas e espalhe-o sobre vieiras escalfadas, peixe grelhado ou espetadas de carne de porco.

Alfavaca-de-vaqueiro O. canum

Também chamada manjericão-peludo, ou bai manglak, esta planta apresenta um atractivo aroma a limão e cânfora e tem um sabor apimentado e cítrico. Os cozinheiros tailandeses costumam misturá-lo em pratos de massa oriental e de caril de peixe pouco antes de servirem. As suas sementes são demolhadas e utilizadas numa sobremesa confeccionada á base de leite de coco e também em refrescos. Por vezes é vendido como manjericão-sagrado-verde.

Manjericão-branco O. americanum

Este manjericão é semelhante ao O. b. citriodorum, mas as folhas são ligeiramente mais escuras e o aroma é sem dúvida de lima e não de limão. Use em saladas e com pratos de peixe e marisco.